Carta de um ANJO



Na verdade, minha vontade é de voar por aí
Fazendo aquilo tudo que eu não consegui
Por ter fracassado ou então desisti

Então já sabe, se um dia desses me encontrar por aí
Voando lá no alto que é pra não cair
Só volto pro chão se você me impedir.

Que é pra ver se eu fico bem
Nesse céu que me faz bem
A saudade que o peito invade, fim.

Aquela brisa tava me chamando
Me convidando a voar por ai
Sou passarinho que não sai em bando
Por onde eu ando só você vai seguir.

(Falamansa)


About entojo

É alma que não se cala; Palavra que tira de tempo; Transbordo de sentimentos... Não é sopro, nem é v e n t o; É livre, leve e solta; É ar em m o v i m e n t o…

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *