Capitanear

Eu estava bem aqui

Prontinha pra me regenerar
Disposta e virar meus conceitos
Como achei que deveria estar

Aí você vem e me desfaz
Se embola nos gestos
E vem tropeçando por trás
Destoa todo conto encantado
(que na verdade só vinha de mim)

Se vira e joga tudo pro alto
Da forma mais estanque e banal
Quebra todas regras,
Por causa do pecado original.

Eu pensava ser o capitão deste navio
Agindo com mãos curiosas e pontas de dedo.
Dia após dia, esperei muito de você, meu amor.
Dia após dia, esperei que descobrisse meu segredo…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *