00:34 2


soltar,
descolar você da mente.
desgrudar cada milímetro de você da minha pele, do meu pensamento, do meu coração.

acabar,
desfazer todo esse nó.
desfragmentar esse pacote de agonia e tristeza que você fez questão de me dar de presente, achando super normal deixar um saco cheio de pedras na minha porta.

enxugar,
extirpar qualquer sobra de lágrimas e sentimento.
voltar feliz para o momento em que nada disso existia.
quando era normal cama vazia.
quando era normal não querer você.

___________

About entojo

É alma que não se cala; Palavra que tira de tempo; Transbordo de sentimentos... Não é sopro, nem é v e n t o; É livre, leve e solta; É ar em m o v i m e n t o…


Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

2 thoughts on “00:34

  • Bam

    É hora de soltar o rosto franzido, engolir a saliva seca e apreciar o espelho… Enxergar o futuro junto do reflexo da poltrona da sala, na mesinha ao lado, com ou sem porta-retrato com a alma gêmea a vida há de ser boa, há de perdoar nossos erros e nossos impulsos, perdoar a nossa infinita humanidade que diante dos abismos das loucuras não nos permite nunca dizer não… We are young, we run free